Associação de Estudantes da Faculdade de Medicina de Lisboa

mmp banner sem sessão de esclarecimentos

Medicina Mais Perto: Moçambique

O Medicina Mais Perto: Moçambique (MMP: MZ) é um projeto de voluntariado internacional da Associação de Estudantes da Faculdade de Medicina de Lisboa (AEFML) que, através da cooperação com associações parceiras moçambicanas, contribui para o desenvolvimento, capacitação e melhoria da qualidade de vida da população local, sobretudo na área da saúde.

A visão do MMP: MZ é a de formar médicos mais humanos e conhecedores das várias realidades do mundo, capazes de melhor responder aos desafios clínicos e sociais com que se depararão na sua vida profissional futura. A missão do MMP: MZ é a de conceber uma estrutura que possibilite a concretização da sua visão de uma forma sustentável para a população beneficiária do projeto, por um lado, e, por outro, acessível e justa para os voluntários, estudantes da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa (FMUL).

Na edição atual, no sentido de levar apoio médico e social a um maior número de pessoas na Cidade de Maputo, pretendemos estabelecer novas parcerias com outras associações na mesma área geográfica. A expansão do projeto está dependente das parcerias estabelecidas e financiamento obtido.

População-alvo:

  • Mães e crianças da AVOMACC;
  • Utentes do Centro DREAM do Hospital da Machava;
  • Jovens e população-alvo das valências da Plataforma Makobo;
  • Escuteiros e Idosos da Paróquia de S. João Baptista do Fomento;
  • Outras parcerias a estabelecer em Moçambique.

14355080_1140867285975322_7059624359534515922_nAVOMACC

A AVOMACC, o nosso principal parceiro no terreno, é uma associação de interesse social, sem fins lucrativos, dotada de personalidade jurídica e autonomia administrativa e financeira. Desenvolve várias atividades, nomeadamente: creche e jardim infantil, para as crianças (integrando atividades de música, dança, teatro, educação física, expressão plástica, língua portuguesa e matemática), e trabalho na machamba (horta), floricultura, costura, venda de flores e produtos hortícolas, venda de produtos de costura e alfabetização, para as mães.

DREAM

O DREAM é um programa de abordagem transversal, multidisciplinar e abrangente no combate à problemática da SIDA em África, lançado em fevereiro de 2002 pela Comunidade de Sant’Egídio. Os seus dois pilares de atuação são as temáticas da Prevenção e do Tratamento, constituindo a gratuitidade e a facilidade de acesso os principais enfoques do projeto. Tendo como principal objetivo a promoção do acompanhamento da comunidade da AVOMACC no DREAM, os participantes do projeto aproveitam as deslocações ao Centro DREAM da Machava para participarem em consultas de seguimento de utentes, focando-se no estado de saúde dos mesmos, nos seus comportamentos de risco, na adesão à terapêutica e no aconselhamento médico.

Makobo

Plataforma Makobo

A Plataforma Makobo – Solidariamente Sustentável é um espaço de trabalho coletivo constituído com a missão de promover o bem-estar social de grupos menos favorecidos, através de ações de responsabilização individual e corporativa realizadas de forma planeada e sustentada. O projeto está dividido em várias valências, das quais fazem parte a Sopa Solidária (distribuição alimentar pelas ruas de Maputo, estabelecimento de uma relação de cooperação entre os voluntários e a população-alvo e reabilitação social através da sinalização de futuros colaboradores), a Escolinha Solidária (um espaço de literacia, lúdico e sociopedagógico para crianças residentes no Bairro dos Pescadores da Costa do Sol, em Maputo) e Doe Uma Hora por um Sorriso (dinamização das crianças sujeitas a internamento no Hospital Central de Maputo).

Paróquia de S. João Baptista do Fomento

A Paróquia de S. João Baptista do Fomento localiza-se no Bairro do Fomento, Matola, contando com o apoio local da Congregação das Irmãs Doroteias. Além da atividade e culto católicos, a Paróquia intervém na dinamização de grupos de jovens escuteiros, idosos e congregações cristãs com os quais o projeto colabora. Junto dos grupos da Paróquia, a atividade do Medicina Mais Perto: Moçambique, isenta de caráter religioso, centra-se na formação para a saúde, direitos humanos e cidadania, assim como na realização de rastreios.

Logo-CORRE                    Logo OM

logo PT 2000px-securitas_ab_logo-svg

logo_stand_58092_1405113370um-pequeno-gesto-logotipo-vf

14980768_1470740486274862_6244041934410412085_n

Na edição anterior do MMP:Mz, duas equipas, num total de 10  participantes e 2 membros da Comissão Organizadora, permaneceram na cidade da Maputo durante 9 semanas. No decurso do projeto foram rastreadas, aconselhadas e acompanhadas mais de 100 crianças e 80 mães carenciadas, foram realizadas cerca de 50 formações às educadoras de infância e trabalhadoras da AVOMACC e realizaram-se ainda dezenas de testes de HIV, com respetivo acompanhamento. Para além disso, também se dinamizaram formações para os grupos de Escuteiros e Idosos da Paróquia de S. João de Baptista e foram ainda avaliados os cuidados nutricionais e os parâmetros antropométricos  junto da comunidade da Plataforma Makobo, promovendo também práticas para uma vida saudável.

Para além do trabalho efetivo feito na Matola, é de salientar a interação e envolvimento de todos os participantes nas atividades do dia-a-dia moçambicano, sendo criada uma relação próxima com todas as “mamãs” e crianças que formam este projeto ou convivem de perto com ele. Este é, também, um dos principais objetivos do Medicina Mais Perto: Moçambique!

Associação de Estudantes da Faculdade de Medicina de Lisboa

E-mail: medicinamaisperto@aefml.pt

Telefone: (+351) 217 818 890

Fax: (+351) 217 818 898

Morada: Av. Professor Egas Moniz Hospital de Santa Maria – Piso 01 1649-035 Lisboa Portugal

NIPC: 501 234 209